terça-feira, 19 de abril de 2011

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

A 4ª arma do diabo

O diabo tem 3 armas para acabar com o homem e a mulher de Deus que estão ou querem ir para o altar. Porém há mais uma que é fatal, e se o homem e a mulher de Deus não vigiarem, cairão por ela.

1. A primeira arma do diabo é colocar mulheres no caminho do homem de Deus, e homens no caminho da mulher de Deus. O diabo faz isso para enfraquecer o homem ou a mulher de Deus.
2. A segunda arma usada pelo diabo é até mesmo parecer que é uma benção de Deus, que é a prosperidade. O diabo faz isso para que a pessoa prospere e perca o brilho pela obra de Deus no altar, pois ele sabe que se aquela pessoa chegar ao altar ela ira arrebentar. Obs.: Temos que ter uma vida abençoada antes de ir para o altar sim porem sem perder o foco do que queremos, que é salvar almas.
3. A terceira arma é o orgulho, pois o diabo consegue cegar a pessoa, fazendo com que ela não perceba que ela é orgulhosa, pois um orgulhoso na maioria das vezes não sabe que é orgulhoso.


Agora vamos a nossa história para você descobrir qual é a 4ª arma usada pelo diabo para destruir os que fazem a obra de Deus.

Havia um pastor em uma igreja que tinha sucesso em tudo o que fazia. Tinha comunhão com Deus e andava em santidade orando, jejuando e lendo a Bíblia. Onde ele ia, desenvolvia o trabalho. E mais, muitas pessoas se convertiam, pois ali haviam curas, milagres, etc.

O diabo vendo isso fez uma reunião no inferno e enviou o primeiro demônio, a Pomba-gira. E ela falou para o pastor : Eu vou te derrubar!

O pastor logo amarrou o que o demônio falou, orou, jejuou, leu a Bíblia, fortaleceu o seu casamento, e ela foi embora.

O diabo convocou mais uma reunião e resolveu mandar o Demônio-do-Amor-ao-Dinheiro para encher os olhos do pastor de ambição material. Novamente o pastor orou, jejuou, leu a Bíblia, sacrificou tudo o que tinha, e o diabo caiu por terra.

Revoltado, o diabo enviou o Exu-do-orgulho para encher o coração do pastor de orgulho próprio. Mas o pastor orou, jejuou, leu a Bíblia, e se humilhou diante de Deus. E mais uma vez, o diabo caiu por terra.

O diabo viu que todas as suas tentativas tinham sido frustradas. Irado, resolveu mandar aqueles três demônios ficarem na igreja daquele pastor para ver aonde ele errava. E pra lá eles foram, só estudando e marcando os passos dele.

Um dia, os três demônios ainda sem pegar nada que pudessem usar contra o pastor, viram um outro demônio passar por aquela igreja. Vinha ele lá de longe, devagar, usando bengala, com uma aparência cansada... E os três demônios começaram a zombar dele. “Seu velho cansado, o que está fazendo por aqui?” E então perguntaram o nome dele.

Ele olhou de lado, abriu um sorriso lateral sarcástico e disse, “Meu nome? Eu sou o EXU-DO-TEMPO. E vocês, o que fazem por aqui?”

E os outros demônios lhe contaram sua missão e como tinham fracassado até agora. Daí ele disse aos três, “Esperem que eu vou dar ordem quando vocês devem agir.” E disse mais: “Não tenham pressa pois eu sei como trabalhar.” 

E aquele demônio sutilmente começou a agir.

Primeiro tirou o tempo daquele pastor, enchendo sua agenda de coisas para fazer. Logo, ele não tinha mais tempo para jejuar, e enfraqueceu. Depois tirou o tempo daquele pastor para não ler mais a Bíblia, e o não mais ouviu a voz de Deus. E sem ouvir a voz de Deus, sua comunhão esfriou. Foi aí então que aquele demônio deu a ordem para os outros entrarem em ação. E assim aquele pastor que arrebentava caiu.

O tempo é a 4ª arma usada pelo diabo para esfriar a fé dos que não perseveram. As vezes, ele nos faz muito atarefados. Outras, ele até causa um falso senso de bem-estar, faz as lutas cessarem durante um tempo para que nós nos acomodemos na fé. E é assim que ele nos derruba.

Lembre-se sempre de onde você veio, de onde você saiu, e do que Deus fez na sua vida para sempre se manter na fé. O vencedor não é o que começa mas sim o que termina.

sexta-feira, 27 de março de 2009

quinta-feira, 19 de março de 2009

Olá amigas, tudo bem com vcs?
Estou um pouco ausente do blog, mas sempre que posso entro pra mostrar á vcs meu trabalho q faço com todo amor e carinho...
Amo agradar minhas clientes por isso me dedico de todo coração!!!!!



Olha que fofura!!!!!

sexta-feira, 13 de março de 2009

O sonho do coração e o sonho da mente

O sonho projetado na mente não depende das circunstâncias. Por que, então, a maioria dos sonhos não se realiza? Por que muitos se sentem deprimidos e fracassados quando um sonho não se cumpre? Porque esses sonhos são projetados no coração e, por isso, estão sujeitos aos próprios sentimentos para se tornarem realidade. A esse respeito, Jeremias (17.9) diz:"Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e desesperadamente corrupto; quem o conhecerá?". O coração é só uma fonte de emoções e sentimentos; de fantasias e ilusões. Assim, também todo sonho nele projetado.Todos sabem que, para que um sonho se torne realidade, é necessário enfrentar lutas e dificuldades. Há milhares de barreiras a vencer para a conquista de um sonho. No entanto, pode-se esperar que, da fonte de todas as emoções – o coração – surja uma fé perseverante para conquistar um sonho se essa fonte só tem sentimentos inúteis e ilusórios? Claro que não! Seria o mesmo que preparar uma criança para a guerra. O coração é impotente e impróprio para enfrentar qualquer tipo de dificuldade, pois não foi feito para lutar, mas para sentir. É incapaz de inspirar a melhor direção, de inspirar algo realizável. É incapaz de lutar e de fazer a escolha certa. Ele depende exclusivamente das circunstâncias para manter vivos seus sonhos e esperanças. Toda vez que um sonho é projetado dentro dele e conta-se com a "sorte" para realizá-lo, surgem logo pequenos e crescentes problemas que fazem-no desanimar. Entretanto, quando os sonhos são projetados no espírito, na mente, no intelecto, apoiados na Palavra de Deus, então, é impossível não se tornarem realidade. Por que? Porque o sonho projetado na mente jamais deixa de existir por causa das circunstâncias, pois há uma consciência de que sua realização dependerá da sua perseverança. Assim como o agricultor depende da terra para plantar e colher os seus frutos, quem tem uma mente cristã depende da Palavra de Deus para realizar seus projetos e jamais desanimará diante dos problemas. Enfim, independentemente do que os seus olhos físicos vêem, o sonho se mantém firme. Os seus olhos são espirituais, por isso vêem o invisível e crêem no impossível. Ainda que as condições sejam desfavoráveis, o verdadeiro cristão crê no cumprimento da Palavra de Deus. Aquele que suportou o sofrimento e a dor, como nunca se viu em toda a história, símbolo de perseverança e de fé, afirmou: "Se projetas alguma coisa, ela te sairá bem, e a luz brilhará em teus caminhos" (Jó 22.28). Deus abençoe a todos.

Você precisa de um mover de Deus em seu casamento?

Qual é a mulher cristã que não sonha com um marido amável, compreensivo, amigo, amante, cúmplice, espiritual, cheio de unção e envolvido com o sobrenatural de Deus? O que, a princípio, parecia ser um sonho impossível para algumas mulheres, vai se tornando realidade em sua vida, à medida que ela se envolve com Deus. Quando uma esposa dobra os seus joelhos diante de Deus para buscar pela sua vida conjugal, o inferno se agita. As palavras de autoridade de um cristão em oração provocam uma repercussão estrondosa no mundo espiritual. A intercessão de uma esposa causa estragos ilimitados no reino das trevas. Quando uma pessoa sobe um monte muito íngreme, é natural que se sinta cansada. Quanto mais perto do pico estiver, menos fôlego terá. Mas quando chega ao seu destino, lá em cima, ninguém pode contemplar a mesma visão que ela. Assim também acontece com o “monte da oração”. No início, para quem não está acostumado a orar, dez minutos orando podem parecer uma eternidade. Faltam palavras, e a pessoa pode até se sentir um pouco estranha. Orar, na verdade, é mais simples do que se possa imaginar. Deus anseia escutar a nossa voz. Quer se aproximar de seus filhos e mostrar a eles que pode fazer grandes coisas para ajudá-los. Todo aquele que sobe o monte da oração, desce com a vitória na mão. Quando Moisés desceu o monte, o seu rosto refletia a glória do Senhor. Mulheres de Deus precisam entender que maridos maravilhosos não se encontram prontos, mas Deus os molda e os aperfeiçoa à medida que cada mulher dobra os seus joelhos e clama ao Pai por uma mudança ou um grande milagre. Lembre-se: muita oração, muito poder; pouca oração, pouco poder; nenhuma oração, nenhum poder. Entenda que oração é alimento e um justo nunca fica sem resposta.

terça-feira, 10 de março de 2009

Não se omita com o erro dele

Assuma sua posição; você é a esposa Existem muitas mulheres dedicadas ao lar, que amam seus maridos e procuram fazer o melhor para que o ambiente seja de repleta harmonia. Algumas situações, no entanto, exigem da mulher muita sabedoria e discernimento. Diante do pecado, não se pode ser omisso ou displicente. O silêncio nem sempre é um sinal de sabedoria. Se uma esposa percebe que seu marido está se envolvendo em um caminho perigoso, é sua obrigação abrir os seus olhos, tendo em mente que Deus a pôs em sua vida para ajudá-lo. É certo que não são todos os maridos que ouvem suas esposas com humildade, mas com um jeitinho carinhoso tudo se torna mais fácil. Se houver resistência da parte dele em ouvir, lembre que Deus não resiste a um coração em contrito. Tentar convencê-lo à força de que está errado é um erro maior ainda. Dobre os joelhos e fale com o Senhor. Por mais duro que seja o coração, é preciso lembrar que a função do Espírito Santo é convencer o homem do pecado. Jamais subestime o poder de Deus, porque quando Ele está à frente, todo julgo é despedaçado e a vitória se torna uma realidade.






Olha os chinelos aiiiii!!!! rsrsrs



Não poderia deixar de mostrar pra vcs meus trabalho querido....






em breve posto mais novidades!!!!!!























Olhem meus novos panos de prato!!!!!















Olá amigas desculpe pela ausencia de novidades mas tive tanta correria que mal da tempo de entrar na net....